Programação contará com a presença da mestra Martinha do Côco e outros nomes de expressão cultural do DF e entorno.

Na semana que vem, de 12 a 15 de setembro, o Centro de Convenções Ulysses Guimarães será palco de uma programação cultural aberta ao público com mais de 15 grupos artísticos de todo o Brasil. Serão apresentações de música, teatro e dança durante toda a semana,  integrando ritmos musicais tradicionais, cortejos, rodas, forró pé de serra, capoeira, além de debates abordando os mais variados temas, como feminismo e proteção dos direitos culturais dos povos e comunidades tradicionais.

A “Mística de Abertura” começará na terça, 12/9, às 8h30 e abordará memórias da agroecologia. Ao meio dia, as apresentações musicais terão início com participação do grupo de catira Mão Divino.

Martinha do Côco, uma das vozes de maior expressão nas raízes da cultura popular do DF e com mais de 10 anos dedicados à música popular tem a presença confirmada. A Mestra, como é reconhecida, é cantora e compositora que desenvolve trabalho autoral com expressões culturais ligadas à música, dança e brincadeira popular com influências da cultura nordestina e afro-brasileira, como samba de côco e maracatu. Martinha se apresentará na quinta, 14/9, às 19h30 no Palco Cultural.

Cantos da Terra, irá estar no palco na quarta-feira, dia 13, a partir das 19h, um grupo formado por Kika Brandão, Isa Flor, Dani Neri, Pedro Tupã e Otávio Torrão traz em seu repertório músicas que remetem as raízes do Brasil, passeando pela cultura popular, tradições e ritmos de diversas regiões, mesmo afro e indígena, com músicas instrumentais e também letras ligadas a natureza, permacultura e agrofloresta.

Outros grupos como Porta do Mundo, Os Mocambos,  As Fulô do Cerrado, Filhas de Oyá, e Jongo do Cerradotambém têm presença garantida. Para saber a programação completa, acesse: http://agroecologia2017.com/mostra/

 

De acordo com Débora Azevedo, servidora da Fundação Nacional de Artes (FUNARTE-Brasília) e responsável pela organização das atividades culturais junto com Jorge Freire (MinC), houve um chamamento inicial no site do Congresso para inscrição de grupos, associações, mestres, mestras e artistas dispostos a integrar a programação. Com a ausência de verba para pagamento de cachê, todos os inscritos foram contactados e outros também aceitaram o convite de forma voluntária. “Os saberes e visões de mundo em que a agroecologia se pauta tem um peso muito grande nas expressões culturais populares e tradicionais, por isso vários grupos aceitaram participar voluntariamente da programação”, disse Débora.

Além da programação cultural, também está aberto ao público, gratuitamente, a Feira Agroecológica e da Sociobiodiversidade, e os Caminhos do Saber. A estrutura da feira contará com 80 bancas de materiais dos povos indígenas e comunidades tradicionais, agricultores familiares, pessoas oriundas da reforma agrária e outros ligados à área.

Todos esses eventos fazem parte do Congresso de Agroecologia 2017. Já estão inscritos no Congresso cerca de quatro mil pessoas de diversos países que estarão dialogando sobre a agroecologia e conhecendo a raízes culturais do Distrito Federal.

O Congresso de Agroecologia 2017 é a realização simultânea do VI Congresso Latino-americano de Agroecologia, X Congresso Brasileiro de Agroecologia e V Seminário de Agroecologia do Distrito Federal e Entorno. Os eventos são promovidos pela Sociedade Científica Latino-americana de Agroecologia (Socla) e Associação Brasileira de Agroecologia (ABA-Agroecologia), organizados em Brasília por uma comissão formada por representantes da Embrapa, Universidade de Brasília,  Emater-DF, Secretarias de Estado do GDF (Seagri e Sedestmidh), IBRAM e ISPN. Conta com o apoio de vários ministérios, organizações e movimentos sociais. O evento é patrocinado por BNDES, Itaipu Binacional e Fundação Banco do Brasil. Acompanhe as novidades em www.agroecologia2017.com e nos perfis do Congresso de Agroecologia 2017 no Facebook e Instagram.

Jornalista Responsável

 

Daniela Collares (MTb 114/01 – RR)

Colaboração: Victor Jardim

 

Assessoria de imprensa do Congresso

 

Daniela Garcia Collares

Embrapa Agroenergia

(61) 996693540

Daniela.collares@embrapa.br

 

Irene Santana

Embrapa Recursos Genéticos e Biotecnologia

Irene.santana@embrapa.br

 

Tereza Rodrigues

imprensa@mda.gov.br

 

Carolina Mazzaro

Emater/DF

carolina.mazzaro@emater.df.gov.br

 

Letícia  Verdi

Ministério do Meio Ambiente

leticiaverdi@gmail.com